MAIS ESPORTES

Peama de Jundiaí inspira Valinhos a criar programa específico

O Programa de Esportes e Atividades Motoras Adaptadas (Peama) da Prefeitura de Jundiaí, segue inspirando outras cidades. Utilizando o exemplo do trabalho feito em Jundiaí, a cidade de Valinhos lançou nesta quinta-feira (31), por meio da secretaria de Esportes, o Programa de Esportes e Atividades Adaptadas (Peafa Valinhos).

Como primeira ação do novo programa, Valinhos está oferecendo um curso de capacitação para os educadores esportivos. Na palestra de abertura, o Peama apresentou sua trajetória e o trabalho desenvolvido em Jundiaí.

“É uma honra e muito legal saber que o Peama inspirou Valinhos a realizar um trabalho tão importante e bonito com atividades adaptadas. Bom saber que a Valinhos tem educadores esportivos tão importantes no meio acadêmico, como o Júlio Gavião e o Edson Duarte, que vão estar junto no desenvolvimento deste projeto”, explica Cesar Munir, diretor do Departamento de Esporte Adaptado da Unidade de Gestão de Esporte e Lazer (UGEL).

Segundo Cesar, o Peama já inspirou projetos em Vinhedo e em Limeira. “Temos conversado com outras cidades que tenham interesse e assim abrimos o leque de possibilidades para a pessoa com deficiência em toda região. Cada programa tem sua particularidade. É importante atender a necessidade da população local. Em Jundiaí, a gente trabalha de acordo com que a população com deficiência pede e Valinhos vai seguir esse caminho.”

Cesár Munir esteve em Valinhos nesta quinta-feira no lançamento do PEAFA Valinhos e participou da palestra, ao lado da supervisora do Peama, Denise Silva Neves e das professoras Ana Lucia e Teresa Leitão.

O secretário de Esportes de Valinhos, Felipe Zani, destacou o trabalho feito pelo Peama. “Eu conheci de perto pessoalmente o trabalho desenvolvido e a grandeza do Peama. É um programa nobre de longa data e consolidado que virou referência. A ideia é implantar um programa semelhante em Valinhos e isso se inicia com curso de capacitação para depois colocarmos o projeto em prática. Vamos ouvir os moradores e depois disponibilizar as modalidades. Os cursos finalizamos até final do ano e a partir de março começamos com as novas turmas”, afirma Zani.

Com 25 anos de existência, o Peama conta com 16 modalidades esportivas como o tênis de campo, atletismo, futsal, natação, Escola da Bola (que alterna basquete, futebol, futsal e vôlei), ciclismo, bocha, capoeira, dança, goalbol, caratê, caminhada, corrida de rua, atividades náuticas, musculação e ginástica rítmica.

“É um programa que fez e continua fazendo história, tem uma linda história feita como muito amor, dedicação e amizade e inspira outras cidades. Tanto os professores como os alunos fazem a diferença”, explica o gestor da Unidade de Esporte e Lazer (UGEL), Luiz Cláudio Tarallo.




VEJA TAMBÉM



MAIS ESPORTES  |   10/10/2021 22h55





MAIS ESPORTES  |   10/10/2021 22h51


MAIS ESPORTES  |   10/10/2021 22h45